Daniela Velho

Movem-me as infinitas possibilidades que a todo o momento nos brindam e o imenso potencial de florescimento humano que habita o âmago de cada um de nós.

Inspiração


Move-me a vontade de dedicar a vida ao despertar da consciência e a reconhecer a natureza profunda de todas as coisas.

Movem-me as infinitas possibilidades que a todo o momento nos brindam e o imenso potencial de florescimento humano que habita o âmago de cada um de nós.

Move-me a plenitude, a integridade, a genuinidade e a abundância que a todo o tempo podemos assumir no imenso espaço daquilo que somos.

Move-me a paixão pelo mundo e pela vida e a possibilidade sempre presente de contemplar a profundidade de cada momento como manifestação única e irrepetível do Real.

Move-me esta liberdade que nos habita e constantemente convida a novas formas de ser e florescer em absoluta espontaneidade.

Move-me esta aspiração a ser feliz e este fogo que todos somos, capaz de consumir toda a negatividade manifestada e abrir espaço fértil a um olhar puro e genuíno que se derrame sobre o mundo.

Move-me esta possibilidade que temos de nos adaptar, flexibilizar, transformar e recriar vezes sem conta, fluindo em total liberdade na inigualável dança do mundo.

Move-me este caminho que se tem delineado em Amor.

“Tentando encontrar o equilíbrio entre aquilo que é a resiliência face aos desafios por vezes tão difíceis da vida, onde também se ocultam oportunidades únicas de transcensão, e aquilo que é o sentido da nossa presença neste mundo.”

Como uma inevitabilidade. Esta procura de equilíbrio entre a resiliência face aos desafios por vezes tão intensos da vida, onde também se ocultam oportunidades únicas de transcensão, e aquilo que é o sentido da nossa presença neste mundo que por vezes se escuta por entre lágrimas e dúvidas ou numa ou outra explosão imensa de alegria que de forma inesperada nos ilumina o coração.

Move-me o saber que tudo é ilusório e fugaz.

Move-me o Amor.

E neste caminho me encontro. Feliz. Grata aos meus Mestres, Professores e todos aqueles que me ajudam a florescer.

Que todos possamos vicejar na Plenitude na Vida!

Encontros


Encontrei a via do Buda e a tradição budista tibetana Nyingma em 2010 através de alguns dos meus actuais Mestres - Jigme Khyentse Rinpoche e Tulku Pema Wangyal Rinpoche - e neles um coração, uma sabedoria e uma dignidade que julgava impossível existir.

Desde então integro grupos de estudo e prática constituídos em Portugal e por eles orientados e que têm sido um ponto central na minha formação e na transformação da visão que tenho do mundo e das coisas.

Em 2012 tive o privilégio de conhecer Thich Nhat Hanh da escola Linji (Rinzai) do budismo Ch’an / Zen num retiro em Londres e fiquei sinceramente tocada pela simplicidade e profundidade dos seus ensinamentos.

Desde então sou co-organizadora da vinda de monges de Plum Village (e outros) a Portugal para orientação de retiros e procuro integrar os “5 Mindful Trainings” na vida quotidiana após ter recebido a sua transmissão.

Em 2016, tive mais um encontro inesquecível em França com Mingyur Rinpoche, um Mestre representante das tradições budistas tibetanas Kagyu e Nyingma reconhecido e admirado mundialmente pelo seu inigualável humor e pelo contributo inestimável que tem tido para o despertar das consciências daqueles que com ele se cruzam.

Desde então integro também grupos de estudo e prática internacionais, bem como os programas de formação da Comunidade Internacional de Meditação Tergar, sob orientação de Mingyur Rinpoche, e sou co-organizadora da vinda de Instrutores de meditação desta Comunidade a Portugal onde se realizam cursos/workshops no âmbito do Programa de Formação Alegria de Viver.

Outros são os Mestres e Professores com os quais me tenho cruzado directa ou indirectamente e que têm contribuído de forma incontornável para o aprofundamento da minha prática como S.S. Sakya Trizin (um dos maiores mestres de meditação ainda vivos dos séculos XX e XXI), Tenzin Wangyal Rinpoche, Alan Wallace, Pema Chodron, Reginald Ray, entre muitos outros.

Projectos


  • Co-fundadora dos Projectos Visão Pura e Viagens do Despertar, que visam trazer a contemplação e a meditação para a vida quotidiana, tornando-as acessíveis a cada vez mais pessoas.
  • Co-fundadora e vice-presidente do Círculo do Entre-Ser, associação filosófica e ética, que visa promover uma ética e uma espiritualidade laicas e holísticas, transversais a crentes e descrentes.
  • Coordenadora no Grupo de Prática de Lisboa no âmbito programa Meditation Practice Group lançado por Tergar international sob a orientação de Mingyur Rinpoche.
  • Investigadora na área das práticas contemplativas e meditativas.
  • Autora de conferências e artigos na área da meditação e co-autora com Paulo Borges do livro “Os Animais nossos Próximos (link) - Antologia do amor humano aos animais (da Antiguidade a Fernando Pessoa)”.
  • Autora de programas de formação, formadora e instrutora em cursos, workshops e retiros na área da meditação, com particular enfoque na gestão de estados físicos, mentais e emocionais e florescimento humano, através de práticas meditativas somáticas e de consciência corporal, de aprofundamento e ampliação de estados de presença consciente, de empatia e compaixão.

Integrei e/ou integro actualmente vários Programas de Formação na área da meditação dos quais destaco:

  • The Mindfulness Meditation Teacher Certification Program (Training Program for Teaching Awareness and Compassion-Based Practices), de Jack Kornfield & Tara Brach (The Awareness Training Institute (ATI));
  • Tergar Community Leadership Core Program (Tergar – Yongey Mingyur Rinpoche);
  • Power of Awareness Mindfulness Training, de Jack Kornfield & Tara Brach (The Awareness Training Institute (ATI));
  • Awakening the Body: The Way of Somatic Meditation e The Somatic Practice of Pure Awareness: The Tantric Style of Embodied Meditation de Reginald Ray (Dharma Ocean);
  • Joy of Living (I, II e III), Mahamudra e Nectar of the Path de Yongey Mingyur Rinpoche (Tergar);
  • Mindfulness Daily@ WORK, Reduce Stress, Enhance Performance, and Improve Well-Being, de Jack Kornfield & Tara Brach.